Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

04/06/2022 10h30

Reforma Cultural Já!

Por Marcos Martino

Compartilhe

Os artistas são marginalizados desde sempre. Já tem aquela fábula da formiga e da cigarra que é um porre, onde as formigas trabalhadoras, consideram as cigarras preguiçosas, pois ficam cantando enquanto elas trabalham. Quer dizer: música não é trabalho, é atividade supérflua, apenas lazer. Artistas são chamados por muitos de doidões, drogados, maconheiros, cachaceiros, marginais, viados, não são pessoas confiáveis pois viajam demais e tem dificuldades com a vida prática. Não batem ponto e nem trabalham 8 horas por dia como a maioria. Puro preconceito. Durante a pandemia os artistas passaram o maior sufoco, sem sustento, pegando qualquer bico pra sobreviver e sustentar a família. E agora, os artistas estão na linha de tiro dos dois blocos ideológicos inimigos. Primeiro a turma bolsonarista pegou no pé dos artistas de esquerda que levaram muita grana na lei rouanet. Realmente poderiam dividir melhor o bolo. O próprio sistema é aviltante pois os patrocinadores preferem colocar sua grana nos artistas consagrados por causa o retorno da imagem. Mas peraí. Não era pra ajudar os artistas que precisam de incentivo? Será que os artistas que já tem muito dinheiro precisam de ajuda? Claro que não! Pois grande parte da grana tava indo pros bolsos de quem já tem. Uma distorção em função da escolha sobre como investir seja das empresas, que preferem investir nos consagrados, que dão retorno à marca. De qualquer forma, o governo atual teve 4 anos pra fazer uma reforma na lei. E não fez. Não fez nada. Elegeu os artistas como inimigos da pátria. Agora a esquerda encontrou uma maneira de dar o troco. Um sertanejo bravateiro resolveu falar m* e isso gerou uma reação em cadeia. Foi denunciado um show no valor de um milhão do sertanejo Gustavo Lima, contratado com dinheiro público. O prefeito tratou de se justificar mas não colou. O acontecimento gerou desdobramentos e de repente começam a chover denúncias, prefeituras cancelando shows e demonização dos artistas e...isso não vai terminar bem. Sabem quem vai sair perdendo mesmo né? Os justos! Sempre os justos pagando pelos pecadores. As prefeituras estão cancelando shows não só dos consagrados, mas dos outros também. Vai afetar toda a cadeia. De fornecedores de som e luz, palco, telões, equipe técnica, estrutura. Quem devia ser punido, quem corrompe, quem cria cachês astronômicos e faz rachadinhas com prefeitos e produtores ficam na boa. Não vou tirar o peso de alguns artistas beneficiados também. Gustavo Lima não é ingênuo e faz o jogo. Não vai nos comover dando uma de vítima. Eu acho ridículo até essa pose de bebê chorão. Mas toda essa crise pode ser oportunidade. Que tal então uma reforma cultural? Que tal uma revisão da lei rouanet, com salvaguardar para beneficiar quem precisa? Quem sabe uma revisão também das contratações públicas. Prefeituras contratarem shows de um milhão, quando as cidades tem carências em tantas áreas, não parece algo moralmente justo. A gente ouve falar em reforma tributária, reforma política, mas cá pra nós: precisamos de uma reforma cultural já!

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus