Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

05/06/2020 07h16

CENÁRIOS: XÔ COVID!

XÔ COVID!

Compartilhe
XÔ COVID!
 
Se tivermos vacinas rapidamente, se o povo estiver imunizado, voltam os beijinhos, os abraços, o carinho, as muvucas, as resenhas, o forró, o rock and roll, os bailes funk, os pagodes, o cinema, os barzinhos cheios, os inferninhos, as zonas, sinucões,  as cavalgadas, exposições, o teatro, os churrascos,  as bandas de música. 
 
PRAZOS
 
Se essa vacina que está sendo testada no BRASIL (da Inglaterra) confirmar sua eficácia, poderemos soltar foguetes. Temos o problema resolvido mais rápido do que esperamos. Se não der certo, tem uma fila de vacinas sendo estudadas em diferentes países, mas o prazo será maior. Até ontem falavam em um ano e meio a dois anos. Mas parece que estão acelerando o processo. Vamos rezar pra dar certo.
 
ENQUANTO ISSO
TEM AS
LIVES
 
Enquanto isso as lives estão sendo a salvação. Quando começaram, a qualidade estava baixa. Mas o pessoal começou a investir em produções cada dia melhores. Na região teve a live do BONAPART, que foi um sucesso. Teve a live da Elizete do Buffet Farenze, que foi um muito boa também. Indio do Forró também balançou o pessoal com seu forrozim retado. A live do Fabrício e Elcimar também foi muito concorrida, com belo cenário. Gostei bastante também da live da Cilla Cordeli, Felipe Godinho e Samuel. Aggeu é internacional. Sua live é vista em todo o planeta. Não assisti a live de João Roberto e Ronivaldo, nem da Lívvia Bicalho. Espero também a live da Banda Agá e outras de Dan e Duca. Muitas lives vem acompanhadas de campanhas de arrecadação para instituições filantrópicas. Muito justo. E algumas conseguem até monetizar um pouco e isso é muito importante, pois artista também tem de colocar o arroz e feijão na mesa.  
 
E SE A
VACINA
DEMORAR?
 
Se demorar demais, creio que tão cedo teremos shows e atividades artísticas normais. Talvez sejam liberados projetos com número reduzido de frequentadores. Em alguns lugares as pessoas assistem a concertos dentro de automóveis. Mas serão eventos paliativos. Isso que chamam de novo normal é muito inóspito pra arte. 
 
AUXÍLIO
EMERGENCIAL
PARA OS
ARTISTAS
O Governo federal pode sancionar a lei já votada na câmara e no senado que vai garantir os 600 reais para os artistas. Tomara que o presidente sancione. Pelo projeto, além do auxílio, vão abrir vários editais de apoio às atividades culturais. É um bom projeto pro governo federal se aproximar um pouco mais dos artistas. O governo do Minas também lançou o projeto SALVA ARTE, com editais para 1315 projetos de 1900 reais para cada. É um valor médio para contemplar muita gente. O problema desses editais é que muitos artistas desistem no preenchimento. É tanta burocracia, tanto palavrório, tanta exigência, que mata o artista de raiva ou de tédio. Mas para quem conseguir atravessar o cipoal burocrático, pode conseguir monetizar aprovando bons projetos. 

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus