Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

05/07/2019 06h37

A INQUIETA CARLA LISBOA

A INQUIETA CARLA LISBOA

Compartilhe
Entrevista com a atriz e produtora Cultural Carla Lisboa. Acho que essa é a terceira ou quarta vez que a entrevisto. Isso por que ela está sempre envolvida com projetos novos, sempre inquieta e procurando novos espaços para fruição da arte e da cultura. Mas vamos à entrevista.
CENÁRIOS - Carla, você embora esteja envolvida em projetos de todas as artes, é atriz e parece estar mais focada no teatro ultimamente. Em tempos “internéticos”, qual o lugar do teatro no mundo atual? 
CARLA LISBOA - Acho que a internet hoje em dia, independente da área artística, é uma ferramenta de divulgação incrível,  que se usada com sabedorla, pode se tornar uma grande aliada do artista independente. 
CENÁRIOS - Você é integrante do grupo “OS ISSOS”. Qual é a filosofia do grupo? Desenvolver peças próprias, utilizar textos consagrados ou nem um nem outro?
CARLA LISBOA - É um grupo teatral independente. Resolvi montar esse grupo em 2014 para realizar oficinas para montagem de espetáculos, pois na época (e ainda hoje) não existiam grupos de teatro ativos na cidade, voltados para o público adulto. A nossa proposta é de trabalhar tanto com textos autorais quanto adaptações de textos consagrados. 
CENÁRIOS - Existem pessoas vocacionadas para o teatro hoje na cidade? Vocês tem feito um trabalho de encontrar talentos?
CARLA LISBOA - Existem sim. Na Cia “Os Issos” já tive alunos que me procuraram com o intuito de se tornar atores de profissão, e que hoje estão fora da cidade, estudando artes cênicas. Não apenas na Cia, como também no 7Faces, nossa proposta é de lapidar esses talentos que já existem. Só precisam de espaço e oportunidades.
CENÁRIOS - Qual tipo de teatro vocês pretendem fazer? Em teatros mesmo, com iluminação e estrutura, teatro de rua, intervenções urbanas?
CARLA LISBOA - Apesar de já ter feito intervenções em rua, minha escola teatral é o teatro grego (de palco). Pretendo trabalhar nesse formato, com foco no teatro adulto (que é uma imensa carência na nossa cidade e região). Não dá pra atirar pra todos os lados.
CENÁRIOS - Vocês interagem com outros grupos no MEDIO PIRACICABA? Existem outros grupos organizados na região?
CARLA LISBOA - Existem sim. A exemplo, a Cia Itabirana de Teatro e o Coletivo Viravoltear (ambos de Itabira). Mas infelizmente ainda não tivemos oportunidade de fazer intercâmbios com grupos da região. 
CENÁRIOS - Você também dá aulas de teatro. Tem demanda? Tem gente interessada em fazer teatro?
CARLA LISBOA - Existe demanda sim. Mas a procura pelo teatro com formação de atores ainda é pouca. A grande maioria me procura para perder s timidez e se expressar melhor.
CENÁRIOS - Você também está inovando com essa perspectiva de teatro coorporativo, como forma das pessoas vencerem a timidez, saberem utilizar o corpo, o gestual, a postura. Como está esse trabalho?
CARLA LISBOA - Sim. Faz uns dois anos que percebi essa necessidade de trabalhar o teatro não apenas para formação de atores. E fiz algumas reciclagens para poder atender esse público. O teatro é uma excelente ferramenta para qualquer profissional, e muito mais completa que a oratória (que surgiu do teatro). Melhora a comunicação, postura em se expressar, concentração, memória,  desibinição, confiança... Enfim, é uma ferramenta completa, que trabalha o corpo e a mente.
CENÁRIOS - O que falta para que Monlevade e região passem a respirar teatro ou considera este um sonho impossível?
CARLA LISBOA - Eu não acredito em sonho impossível. Vou lhe responder com um exemplo real: há 7 anos, pra ser mais exata, em 2013, realizamos o 1° Festival Marmotas com uma programação de 10 dias, com atividades que aconteciam no mesmo horário e em locais diferentes. Na época disseram que era loucura, que esse formato JAMAIS funcionaria em Monlevade. Esse ano o Marmotas completa 6 edições, mantendo o mesmo formato. E já existem outros grupos e movimentos que aderiram a esse formato de programação,  como o Viva Monlevade ( que aconteceu em maio) e agora o Festival de Inverno da Ufop. O que falta é acreditar no que faz. E quando disserem que você é louco, saiba que está no caminho certo.
CENÁRIOS - Embora na entrevista eu esteja focando no teatro, sei que você é multi-artes e o 7 FACES está a todo vapor. O que está rolando e o que vem por aí? 
CARLA LISBOA - O 7Faces diminuiu um pouco o ritmo. Digamos que nos primeiros anos estávamos praticamente sozinhos, e como queríamos movimentar a cena cultural da cidade, sentíamos a necessidade (e quase uma obrigação) de realizar eventos culturais todo mês. Agora felizmente somos mais. Tem o No Olho da Rua, o Pensando Monlevade, a Ufop com o Festival de Inverno, a Acordar retornando com os piqueniques, a turma do Viva Monlevade...a turma da cultura tá crescendo. Então diminuímos o ritmo para uma melhor dedicação à nossa “menina dos olhos”, que é o Festival Marmotas de Artes Integradas. 
CENÁRIOS - Vocês estão trabalhando em parceria com o pessoal da UFOP no Festival de Inverno da UFOP né?
CARLA LISBOA - Sim. Estou em parceria na equipe do Festival da Ufop, mas como produtora. Como estamos com um evento agendado para o dia 14/07, o restante da equipe está integralmente dedicada nesse evento.
CENÁRIOS - Outra coisa interessante que percebi é que vocês estão em parceria com o pessoal do FLORESTA CLUBE. Eu acho o local bárbaro, uma ilha verde da cidade. A ocupação cultural é primordial para sensibilizar as pessoas.Como vem sendo esse trabalho? 
CARLA LISBOA - A ideia inicial era realizar um evento bimestral itinerante, em parceria com vários espaços fechados da cidade. A primeira edição foi em maio, no Floresta Clube, e a parceria casou tão bem que resolvemos estendê- la às outras edições. A próxima será agora no dia 14 de julho, a partir do meio-dia, e as próximas edições já estão agendadas para 15 de setembro e 10 de novembro.
CENÁRIOS - E quais são os planos para o futuro imediato?
CARLA LISBOA - De  imediato tem o Festival Marmotas, que esse ano completa 6 edições e pela primeira vez, a partir desse ano, será 100% autoral em todas as atividades e artes (será que estamos sendo loucos?). No mais, não faço planos. A unica certeza que tenho é que quero continuar fazendo o que faço, em tempo integral e vivendo disso, sendo aqui ou em qualquer outro lugar.
CENÁRIOS - Deixe seus contatos para quem quiser interagir, contratar, contar com os préstimos de Carla Lisboa. 
Contatos: Carla Lisboa / Atriz, produtora e empreendedora criativa / (31) 99688-5304 / 98757-8333 / carlaslisboa@gmail.com

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus