Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

15/12/2017 17h39

Bom Dia Vereadores - Chuvas e abonos

Compartilhe

Ler ou não ler? Belmar

A reunião desta semana começou com ânimos exaltados. O vereador Belmar Diniz propôs não ler a ata da reunião passada devido ao grande numero de assuntos a serem tratados. Foi suficiente para a discussão dos vereadores que queriam a leitura. Sinval Dias chegou a dizer que está há 21 anos como vereador e a ata sempre foi lida. Ao final, o texto foi lido.

Abono (Pastor Carlinhos)

Pastor Carlinhos repudiou a suspensão do abono de férias dos funcionários da Câmara de Monlevade. A portaria diz que a Prefeitura e outros órgãos passam por dificuldades financeiras. De acordo com o vereador a Câmara gasta cerca de 50% do orçamento anual destinado. Pastor ainda disse que recebeu correntemente comunicados de gratificação de até 80% de funcionários. “A Câmara está devolvendo mensalmente valores à Prefeitura. Em 6 meses foram pagos em seis meses 150 mil reais com estagiários. A Câmara não pagam gratificação para os funcionários que participam de comissão, mas na Prefeitura, todos os funcionários que participam de comissão recebem gratificação. Minha briga não é porque foi algo aprovado quando eu era presidente, mas é porque é um direito conquistado. E foi retirado à força”, disse o vereador.

Abono injusto (Djalma)

Djalma justificou o corte. “Eu não acho justo o recebimento do abono e pedi uma suspensão e fiz um pedido ao tribunal de contas para dar um parecer sobre esta decisão. É um abono que quase ninguém recebe. Acredito que os servidores da Câmara são muito bem pagos, muito bem tratados. Tenho certeza que o servidor da Câmara não vai boicotar em nada aqui.”

Fora da política

Após falar sobre o corte da gratificação, Djalma ainda disse que não tem a intenção de ser candidato novamente. “Peço a Deus para me tirar da vida política.”

Enchentes (Titó)

A enchente da última segunda-feira foi a tônica da fala de grande parte dos vereadores.

Thiago Titó demonstrou preocupação com o comprometimento da estrutura das vias. Já Toninho Eletricista alertou que muitos dos problemas foram causados lixos jogados em lugares indevidos. Ele ainda alertou sobre a grande quantidade de manta asfáltica nas ruas, o que atrapalha a absorção das águas da chuva pelo solo.

Vanderlei lembrou que Monlevade sofre a tempos com as chuvas. “Já sabemos onde estão os problemas”.

Entulhos

Vanderlei lembrou que a divisão do trabalho entre limpeza e recolhimento do entulho provocado em duas empresas é um problema. “Uma empresa faz a limpeza e outra recolhe o entulho. No momento da chuva, o bairro Nova Esperança estava totalmente limpo, mas não havia sido recolhido, e desceu todo com as águas”.

Já Guilherme Nasser pediu a contratação de uma empresa que faça apenas a limpeza de córregos e canais. “Algo precisa ser feito com antecedência. Depois que acontece, tudo fica mais caro”.

Lenga Lenga (Toninho Eletricista)

Durante a homenagem à associação de Moradores do Bairro de Lourdes, Toninho Eletricista aconselhou os presentes a acompanhar as reuniões da Câmara Municipal. “É meio lenga lenga, mas é muito importante”.

Cão doente (Cebolinha)

Cebolinha fez o uso da tribuna para relatar que recebeu a denuncia que, no bairro Nossa Senhora da Conceição, havia um cão com suspeita de leishmaniose. A Vigilância Sanitária (Visa) confirmou a doença, e a dona do animal permitiu que o animal fosse levado pela Visa para o sacrifício. O animal foi levado para o canil, porém horas depois estava solto pelas ruas da cidade. Segundo o vereador, o cão acabou morto em via pública por atropelamento.

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus