Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

02/06/2017 08h40

Câmara de Santa Bárbara entrega comenda Dr. Hélvio Moreira

Compartilhe

A Câmara Municipal de Santa Bárbara entregou na noite de ontem (1º), a comenda Dr. Hélvio Moreira dos Santos. A homenagem foi entregue para José Hosken, pastor Antônio Ataíde Lopes, Antônio Isidoro Teles, padre Elias Bartolomeu Leoni, o secretário municipal de Saúde de Santa Bárbara Giovani Ferreira Guimarães, Centro Pedagógico Cecília Meireles e Instituto Cenibra. A cerimônia de entrega da comenda foi realizada no plenário Raymundo Júlio de Ramos.

De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Santa Bárbara, Juarez Camilo, a entrega da comenda é um ato de grande importância do Legislativo e de respeito à memória de um médico que tanto fez e ajudou na construção de uma cidade melhor e fraterna. “Posso dizer, com todo orgulho, que a minha maior alegria é entregar essa comenda pela importância da memória de Dr. Hélvio e por saber que as pessoas que já receberam e vão receber  reconhecem o valor de ter o nome escolhido”.

Quem também destacou a solenidade foi o vice-presidente Carlos Augusto Bicalho Fonseca “Guto” (PDT). “Essa é a maior comenda que o Legislativo criou para homenagear pessoas e entidades que - sempre honrados, livres e de bons costumes -  trabalharam para colocar esta tricentenária cidade em posição de destaque no cenário dos municípios mineiros”.

Trajetória

Dr. Helvio nasceu em 24 de março de 1915, em Belo Horizonte, 11º filho do casal Desembargador Manoel José Moreira dos Santos e de Rita Umbelina Moreira dos Santos. Em 1940 graduou-se em medicina e desde então fez de sua vida um rosário de sacrifício e renúncia pelo bem da humanidade. Jamais fez da profissão um comércio. Durante 47 anos atendeu com desmedida dedicação o povo de Santa Bárbara, Barão de Cocais, Itabira, São Gonçalo, Rio Piracicaba, João Monlevade e Belo Horizonte.

Casou-se em 1941 com Lucinda Libânio Moreira dos Santos com quem teve 11 filhos, sendo 4 mulheres e 7 homens. Em 1947 foi eleito prefeito de Santa Bárbara e em 1951 foi eleito vice-prefeito. Em 1959 foi eleito Deputado Estadual. Em 1962, escolhido pelo Ministro do Interior, Professor Santiago Dantas, representou o Estado de Minas Gerais no Congresso do Câncer em Moscou, na Rússia. Em 1963 foi novamente eleito prefeito. Licenciou-se em 1965 quando passou a residir em Belo Horizonte onde lecionou na Faculdade de Medicina e foi médico da assembleia Legislativa. Em 1967 retornou a Santa Bárbara onde veio a falecer.

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus