Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

09/05/2017 14h45

Meu Palpite - O choro é livre e o título é nosso

Compartilhe

Pela 44ª vez, a Massa comemorou o título mineiro. Normal até por ser em cima do eterno freguês, que cantou vitória bem antes da hora. O placar de 2x1 poderia ter sido outro não fossem o erro grosseiro da arbitragem e a precipitação de Cazares no último minuto.

Verdade seja dita ou escrita, Roger deu um nó tático no adversário e na própria torcida. Escalou e substituiu bem. Fez o que deveria ter feito desde o início, mas foi feliz em acertar o momento. E a obediência dos jogadores correspondeu à determinação do chefe.

A defesa esteve quase perfeita. Vacilou apenas no gol azulado. O volante Adílson, melhor em campo, não é craque e está longe de o ser, porém desarmou todas as jogadas que disputou. Guerreiro. O atacante Fred, mesmo sem marcar, foi fundamental para o triunfo.

A Massa, energia do time, comemorou muito. E com todo direito. Parte dela teve um bandeirão roubado na noite anterior ao jogo, o que não a impediu de dar mais um show na arquibancada. Cantou o hino mais bonito do país.

Tudo isso não isenta o elenco de suas carências. É preciso reforçar o grupo em algumas posições. A Libertadores, por exemplo, chega à segunda fase e os duelos passam a ser difíceis. Certamente, a diretoria está atenta a isso.  

Valeu, Galo. Mais uma vez campeão de fato e de direito. Se há problemas, só interessam aos atleticanos. E a ninguém mais. O choro é livre, mas a 44ª conquista é nossa. Clube Atlético Mineiro, uma vez até morrer!

Saudações Atleticanas

Carlos Augusto - Gugu

carlosaugustorochavieira@yahoo.com.br

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus