Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

06/02/2017 10h43

João Monlevade: discute com PM e é morto a tiros

Compartilhe
rapaz foi morto por PM após discussão
rapaz foi morto por PM após discussão

Um homem de 23 anos, identificado como Igor Dankkeizeme Leandro Couto, foi morto na tarde deste domingo, dia 5 de fevereiro, no bairro Laranjeiras, em João Monlevade. O crime aconteceu na rua Pontal, ao lado da quadra de esportes.  Ao lado do corpo dele, foi encontrada uma pistola calibre 380, que ele usava.

 
Segundo informações Igor teria ido ao bairro armado para matar um homem, primo de um policial militar lotado na 17a Companhia de Policia Militar Independente, em João Monlevade. Quando ele chegou ao local, em uma moto Honda/Hornet, o militar e o primo conversavam. Ele teria se aproximado dos dois e teria perguntado "como seria".
 
O militar, percebendo que Igor estava armado, teria sacado sua arma e anunciando que era militar, foi quando os três se atracaram.
 
Segundo o policial, Igor teria segurado sua arma, quando foi obrigado a efetuar o primeiro disparo, que atingiu a pena da vítima. O primo do militar teria pego a arma da vítima e desferiu uma coronhada em sua cabeça, momento que a vítima conseguiu reaver a arma e apontou em sua direção. Foi quando o militar, percebendo que seu primo seria alvejado, efetuou o segundo disparo. Igor caiu e morreu no local.
 
De acordo com o primo do militar, o motivo da desavença foi por causa de uma briga de trânsito no dia 17 de dezembro do ano passado, e que desde então passou a ser ameaçado de morte.
 
Antes do crime os dois teriam se encontrado próximo ao supermercado Piracuera, no Loanda, e mais uma vez recebeu ameaças de Igor, que disse que iria matá-lo naquele dia.
 
O homem contava ao primo militar, sobre as ameaças, quando a vítima passou de moto por eles no bairro Laranjeiras e teria perguntado "como seria". Foi quando a confusão começou.
 
Uma equipe do Serviço Voluntário de Resgate (Sevor) foi acionada e constatou o óbito.
 
A Polícia Militar isolou a área até a chegada da Perícia Técnica da Polícia Civil. Durante os trabalhos, o perito recolheu a arma usada por Igor, um carregador com várias munições e dois projeteis próximo ao corpo dele. Foram constatadas, a princípio, duas perfurações no corpo da vítima.
 
Após os trabalhos técnicos o corpo foi removido do local e encaminhado ao necrotério do Cemitério do Bairro Baú.
 
O sargento da polícia, que teria efetuado os disparos, sofreu pequenas escoriações e foi levado ao Hospital Margarida e depois, encaminhado ao Quartel da PM, onde deverá permanecer até a conclusão das investigações. O primo dele também teve lesões leves. A moto utilizada por Igor foi rebocada ao Pátio do Detran. (FOTO BELL SILVA/OPOPULAR).

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus