Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

11/11/2016 09h54

Águas do Piracicaba são tomadas por lama

Águas do Piracicaba são tomadas por lama

Compartilhe

Geral – Bastou apenas um “chuvisco” para que o rio Piracicaba fosse tomado por espessa lama que desceu de sua cabeceira, contaminando toda sua extensão.

A denúncia partiu de moradores da cidade homônima, que segundo eles já estariam acostumados com essa situação, a que chamaram de “descarga” de lama, que seria prática das mineradoras.

Há alguns anos um incidente na cidade causou mortandade de peixes no córrego do Diogo, que é efluente da barragem do Diogo de propriedade da Vale. Entretanto, apesar das denúncias e cobranças de explicações, nenhuma satisfação foi dada à comunidade piracicabense.

Desta vez, diante o maior desastre ambiental da história do Brasil e um dos maiores do mundo, causado pelo rompimento da barragem de Fundão, de propriedade da Samarco Vale BHP, a população está mais atenta e diante disso acionaram a reportagem do Bom Dia denunciando o fato.

Especialista ouvido pelo Bom Dia diz suspeitar que a lama venha da Samarco, já que as nascentes do Piracicaba serpenteia as instalações da empresa.

O Bom Dia fez contato com o CBH Piracicaba que ficou de acionar a fiscalização e ainda enviou ofícios a Diretoria de Gestão de Qualidade e Monitoramento Ambiental do Estado de Minas Gerais e ao Igam.

O CBH acionou ainda o promotor Leonardo Maia que solicitou todas as informações relativas ao incidente para que sejam tomadas providencias cabíveis.

A reportagem ainda tentou ouvir a Samarco e a Vale e enviou questionamentos à assessoria das mesmas.

A assessoria da Vale simplesmente informou que "A Vale não detectou qualquer anormalidade em suas operações que possa ter causado o fato relatado".

Já a Samarco até o fechamento dessa edição não havia se manifestado.

Barragens

A região do Médio Piracicaba possuiu inúmeras barragens de rejeitos de mineração, sendo a maioria de propriedade da Vale.

A população sempre fica apreensiva durante o período chuvoso temendo algum desastre semelhante ao de Bento Rodrigues, quando a barragem de Fundão se rompeu deixando um rastro de destruição e morte em dois estados.

Apesar dos responsáveis afirmarem sobre a segurança das barragens, a população não confia mais, pois a barragem de Fundão também era segura segundos os especialistas da Samarco.  

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus