Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

18/09/2015 06h36

Vereadores querem explicações de prestadora de serviço após troca de lâmpadas de postes

Compartilhe

A troca de lâmpadas de postes de vários pontos de João Monlevade foi questionada pelo vereador do PT, Belmar Diniz, na noite de anteontem (16), durante a reunião semanal da Câmara. Isso porque o parlamentar flagrou algumas luminárias de vapor de sódio (luz mais amarelada) sendo substituídas por lâmpadas de vapor de mercúrio (luz branca). A situação estaria fora dos padrões do município, porque João Monlevade aderiu há pelo menos cinco anos ao Projeto Reluz – para a troca das lâmpadas de sódio por mercúrio - o que trouxe economia aos cofres públicos na ordem de 18%.

Como a manutenção da iluminação agora é realizada pela empresa Prohetel, devido a transferência dos ativos da iluminação pública da Cemig para os municípios, o parlamentar questionou o motivo da substituição das luminárias. Ele fotografou seis pontos em João Monlevade onde a troca ocorreu. “Quero saber por que estão colocando as lâmpadas antigas novamente. O mínimo que podemos fazer é fiscalizar”, falou o vereador que lembrou que para a troca da iluminação da cidade o município investiu R$ 2,6 milhões.

O líder do governo na Casa, Sinval Dias (PSDB) elogiou a postura de Belmar em fiscalizar ações na cidade e destacou que o investimento para a troca da iluminação foi alto e, com isso, é preciso cobrar qualidade do serviço. O também tucano, Guilherme Nasser acrescentou que a troca das lâmpadas de sódio pelas de mercúrio aumenta em até 40% a luminosidade. “Somos leigos e precisamos pedir explicações sobre as trocas. Se isso está acontecendo temos que ver o que aconteceu com o convênio”, enfatizou.

Djalma Bastos (PSD), presidente da Câmara, frisou que a Casa vai buscar informações e tomar as providências necessárias.

Com Informações: Bell Silva

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus