Bom Dia - O Diário do Médio Piracicaba

notícias

09/07/2015 15h46

Gastronomia & Alquimia - Que tal cozinhar

Bom Dia! Hoje é dia receita autoral. Gastronomia & Alquimia, sua coluna de sabor e saberes apresenta: Panelaterapia, culinaryexperience.

Compartilhe

Faces da Cozinha Mineira

Quando se fala de cozinha mineira, os primeiros pratos que nos vem à cabeça são: o tradicional frango com quiabo, a deliciosa e crocante costelinha de porco frita e o clássico feijão tropeiro. Muitos esquecem que existem várias outras Cozinhas Mineiras: a do Cerrado, a doSão Francisco, a do Norte de Minas, ado Jequitinhonha eetc. Todas fazem parte dessa cultura rica e diversificada de Minas Gerais que é o estado brasileiro com maior número de municípios: 853. Também ocupa o ranking de segundo estado mais populoso do Brasil, com quase 21 milhões dehabitantes. Minas tem um parque industrial bem diversificado e responde pela terceira maior economia do Brasil.

Feijão do “Quinca”

O prato de hoje foi inventado com a ajuda de um grande amigo que é bom de garfo, tem o paladar exigente, mas nunca pilotou um fogão, o Joaquim Guimarães, que atende pela alcunha de Quincas. Nascido e criado no centro de Montes Claros ele hoje reside na capital mineira no bairro Floresta.Outro dia estávamos em BH conversando sobre a boa mesa e ele se lembrou de que quando era criançalá em Montes Claros, sua mãe Dona Neiva, colocava pedaços de mandioca no feijão para cozinhar.O Quincas fez tanta propaganda, que quilo atiçou minha curiosidade para experimentar a iguaria.Fiquei com água na boca e resolvi fazer o teste da mandioca cozida no feijão e incrementeiareceita com carne de solpara ficar bem típica do Norte de Minas. A criação deste prato é uma forma que encontrei para homenagear este grande amigo e ao mesmo tempo mostrar outras faces da gastronomia mineira.

Feijão do “Quinca”

Ingredientes

½ kg de feijão carioquinhaescolhido e lavado

400g de mandioca boa para cozinhar

500g de carne de sol picada em cubos maiores

3 folhas de louro

1 cebola grande picadinha

1 colher (sopa) de corante

1 maço de almeirão lavado e picado

5 dentes de alho picadinhos

300g de torresmo

Óleo de soja

Sal

Modo de Preparo

Deixe de molho na geladeira por +/- 10 horas a carne de sol, troque a água duas vezes(use sempre água gelada para dessalgar qualquer tipo de carne).Depois ferva a carne de sol com 1,5 litro de água, por cerca de 10 minutos na panela de pressão. Escorra e reserve. Cozinhe o feijão com as folhas de louro e deixe ferver por 15 minutos em panela de pressão. Marque o tempo quando a panela começar a chiar. Espere esfriar para acabar a pressão. Abra a panela, acrescentea carne e a mandioca. Em uma frigideira pequena, faça um refogado com4 colheres (sopa) de óleo de soja, alho, cebola e corante para temperar e dar cor ao prato. Misture bem este refogado no feijão até ficar uma mistura homogênea, adicione e regule o sal. Termine a cocçãodos ingredientes. O segredo é ir conferindo com um garfo o ponto certo de cozimento da mandioca, da carne de sol e do feijão. O caldo não pode ficar muito grosso e nem ralo. Mexa para não agarrar no fundo e queimar. Sirva acompanhado de torresmo, pimenta,pão fatiado, cheiro verde ealmeirãorefogado.

Observação: Este prato é bom para tosse, mal olhado, espinhela caída, vento virado, olho gordo e traz a pessoa amada em até 5 dias úteis.

Harmonização:Uma boa cachaça mineira.

Tiradas do Coronel Machado: É desse jeito e desse tanto!

Luciano Estivalet

Bom Dia Online- Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.

by Mediaplus